Carregando...
Publicado por SeuGado.com Gado

Embrapa reduz áreas administrativas

Agricultura 01/02 07:02

Reestruturação inclui o corte de funções gratificadas, sem cortes de empregados.

 

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) oficializou nesta quarta-feira, 31 de janeiro, a redução de 15 para 6 o número de áreas administrativas na sede da companhia em Brasília (DF). A reestruturação inclui o corte de funções gratificadas, sem cortes de empregados, e alteração da estrutura e processos, segundo a estatal.

 

De acordo com comunicado da Embrapa, a mudança faz parte "da maior mudança administrativa da história da empresa, que, no final de 2017, já havia reduzido a quantidade - de 46 para 42 - de unidades de pesquisa e inovação", informou.

 

A reestruturação, segundo a estatal, ocorre diante da "necessidade de ajustar a empresa às mudanças tecnológicas e sociais e aumentar a eficiência", declarou o presidente da Embrapa, Maurício Antonio Lopes.

 

Além de uma crise interna, com divergências entre pesquisadores e a diretoria, a Embrapa enfrenta uma crise financeira, com o alto comprometimento do orçamento com a folha de pagamento, superior a 80%.

 

Com a redução prevista em mais de 20% no repasse de receitas, a estatal estuda um Programa de Desligamento Incentivado (PDI) para cortar a folha de pagamento. A ideia é substituir funcionários com maiores salários, aposentados ou próximos à aposentadoria, por novos quadros com salários menores.

 

Outra ação prevista é a criação da Embrapa Tecnologias Sociedade Anônima (EmbrapaTec), cujo projeto está na Câmara dos Deputados desde 2015 e só começou a tramitar no fim do ano passado. A EmbrapaTec é vista como um braço privado da Embrapa capaz de facilitar a captação de recursos financeiros. A estatal tem 9.579 empregados, sendo 2.438 pesquisadores.


 

Fonte: ESTADÃO CONTEÚDO
Comentários
logo-seugado

Para ter acesso completo a esse conteúdo faça login ou cadastre-se grátis.