Carregando...
Publicado por SeuGado.com Gado

Reforço da fiscalização por parte de importadores confirma qualidade da carne brasileira

10/05/2017 18:21

Restrições impostas í s exportações em decorrência da operação da PF foram retiradas pelos principais compradores, diz Maggi em audiência na Câmara Paí­ses importadores que intensificaram a fiscalização da carne brasileira após a Operação Carne Fraca não encontraram inconformidades, revelou o ministro Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento), nesta quarta-feira (10), durante audiência pública na Comissão de Agricultura da Câmara dos Deputados. -Cem por cento da mercadoria está sendo inspecionada ao chegar no seu destino, sem que tenha sido encontrada nenhuma inconformidade até agora', assinalou. Restrições impostas í s exportações de carnes do Brasil foram retiradas pelos principais compradores, disse o ministro. Os mercados atualmente abertos representaram cerca de US$ 13,55 Bilhões ou 95,34% dos valores exportados. O reforço na fiscalização de rotina foi adotado por 57 paí­ses importadores, de acordo com o ministro. Depois da operação da Polí­cia Federal em frigorí­ficos, o ministério recebeu cerca de 328 comunicados oficiais envolvendo demandas de outros paí­ses sobre detalhes da ação. Como providências do Mapa, Maggi destacou a coleta de 762 amostras de produtos para análise e a proibição de produção e de exportação de mercadorias por parte dos frigorí­ficos investigados, além da exoneração de servidores envolvidos. Entre as amostras recolhidas, 98,68% não apresentavam risco sanitário. E a maior parte dos problemas detectados eram relacionados í  fraude econômica, como excesso de água nas embalagens. Em 1,31%, foram identificados pequenos problemas, com algum potencial de afetar a saúde pública, como a presença de salmonella. O ministro anunciou que embarcará, nesta sexta (12), para os Emirados írabes, Kuwait, Arábia Saudita e Catar. Ele vai apresentar explicações, já enviadas por escrito, para assegurar a manutenção desses mercados, para onde é destinada a maior parte da exportação de frango do Brasil. Em relação ao mercado interno, Maggi ressaltou que os mesmos procedimentos utilizados para fiscalizar as carnes exportadas são adotados para o consumo no paí­s. "Claro que existem as particularidades de cada paí­s, que fazem suas exigências, mas a qualidade da carne é a mesma.' De acordo com dados do Mapa, apresentados na audiência pública, 80% da carne bovina produzida no Brasil e 70% da carne de frango são consumidas no Brasil. Acompanharam o ministro na audiência, o secretário-executivo, Eumar Novacki, e os secretários de Defesa Agropecuária, Luis Rangel, e de Relações Internacionais, Odilson Silva, além do presidente da Embrapa, Maurí­cio Lopes. Fonte: Mapa
Comentários
logo-seugado

Para ter acesso completo a esse conteúdo faça login ou cadastre-se grátis.