Carregando...
Publicado por SeuGado.com Gado

Maggi inicia missão no Oriente Médio

15/05/2017 12:27

Ministro se reuniu com representantes do Kuwait para tratar das exportações de carne O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Blairo Maggi, esteve reunido, neste domingo, 14 de maio, no Kwuait, com a diretoria da Autoridade Pública da Agricultura e Recursos de Pesca do paí­s para tratar de exportações brasileiras. De acordo com o ministro a reunião foi muito produtiva para o interesse do paí­s. -Estivemos com autoridades do Ministério da Sanidade Animal e Vegetal, quando expliquei o caso da Operação Carne Fraca e me garantiram reabrir o mercado para carnes bovinas e de frangos', disse o ministro, que tratou também de bois vivos, ovos férteis, pintinhos de um dia, milho e soja. Ainda para esclarecer sobre a operação da PF, ocorrida em março em frigorí­ficos, Maggi explicou que o Brasil segue todos os protocolos internacionais de sanidade. -Alguns funcionários cometeram atos relacionados a inconformidades e, por problema de comunicação, a PF acabou colocando em cheque a sanidade da carne. Mas temos 11 mil funcionários comprometidos com a qualidade dos nossos produtos e exportamos para mais de 159 paí­ses seguindo padrões de conformidade internacional', explicou. O ministro ouviu das autoridades locais que -o governo do Kuwait sabe da qualidade dos produtos brasileiros' e que aguardam apenas a emissão de certificado brasileiro para retomar os negócios. De acordo com representantes daquele paí­s, não haverá aumento de burocracia. Os certificados aguardados são os emitidos pelos próprios fiscais na planta frigorí­fica, a serem reconhecidos pela embaixada e pela câmara írabe, para garantia total e evitar crí­tica de consumidores. Acompanhado do secretário de Relações Internacionais do Mapa, Odilson Silva, e do presidente da Embrapa, Maurí­cio Lopes, Maggi, fez questão de falar da importância dos avanços na agricultura proporcionados pela empresa de pesquisa, vinculada ao ministério, responsáveis, afirmou, por transformar o Brasil de importador de alimentos em um dos maiores players do agronegócio no mundo. Falou também sobre a preservação do meio ambiente sob responsabilidade dos próprios produtores rurais, que respeitam no Brasil uma das leis mais rigorosas do mundo nessa área, mantendo 61% do território nacional intocável. Missão - Além do Kuwait, a missão brasileira visitará a Arábia Saudita, Emirados írabes Unidos e Catar com o objetivo de promover o agronegócio e atrair investimentos. A agenda inclui reuniões com autoridades de governo e participação em eventos com a presença de representantes do setor privado brasileiro A região é prioritária para o mercado agrí­cola mundial e uma das principais origens de investimentos internacionais no setor. O crescimento econômico do Oriente Médio, a taxa de urbanização e o consequente aumento da demanda por alimentos, fibras e energia estão acima da média global, o que reforça a importância da missão organizada pelo governo brasileiro. Fonte: Mapa
Comentários
logo-seugado

Para ter acesso completo a esse conteúdo faça login ou cadastre-se grátis.